Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Guedes diz que quer fazer reforma administrativa em ano eleitoral

Cada vez mais imerso em seu universo paralelo, ministro alega que uma mudança que atacasse os supersalários poderia até induzir votos
Guedes diz que quer fazer reforma administrativa em ano eleitoral
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Não contente com dizer que, caso Sergio Moro ganhe a eleição presidencial do ano que vem, vai “fechar o Congresso”, Paulo Guedes afirmou a empresários em São Paulo nesta sexta-feira (10) que espera avançar com a reforma administrativa no ano eleitoral de 2022, informa O Globo.

O ministro da Economia de Jair Bolsonaro disse aos empresários que uma reforma que reduza supersalários seria bem avaliada pela população e pode ser um indutor de votos.

“Há uma convicção política de em que ano de eleição não se faz reforma, não se faz nada. E o recado que recebi da classe empresarial é vamos prosseguir com as reformas.  Essas reformas ajudam o Brasil a crescer e trazem votos. E houve uma ênfase na reforma administrativa, a mais pedida”, afirmou Guedes na saída.

O ministro sabe perfeitamente bem que seu chefe, Jair Bolsonaro, não tem interesse em aprovar a reforma administrativa enquanto tenta a reeleição —recentemente, ele mesmo culpou o “entorno do presidente” por a proposta não avançar.

Ou Guedes acha que os brasileiros são todos idiotas ou está cada vez mais mergulhado em seu universo paralelo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....