Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Flávio Bolsonaro diz que conselheiros de seu pai defendiam o golpe

Flávio Bolsonaro diz que conselheiros de seu pai defendiam o golpe
Reprodução/Jair Bolsonaro/Facebook

Flávio Bolsonaro usou a Veja para dizer que seu pai impediu um golpe em Sete de Setembro:

“Todo mundo estava acreditando que o presidente iria causar uma ruptura institucional. Aliás, era o que muita gente queria, e ele, em sua sabedoria, não o fez pelo bem do Brasil. Tinha conselheiro dizendo que o presidente não devia mais ceder, que o Supremo havia ultrapassado o limite, que acabou (…). Se o presidente fosse fazer o que essas pessoas queriam, teríamos um ditador aqui”.

Flávio Bolsonaro não revelou quem eram esses conselheiros golpistas, mas está na cara que ele se referia aos militares.

O filho do presidente disse também que um ministro do STF alertou-o sobre um plano para derrubar o sociopata:

“Havia pessoas trabalhando nos bastidores para derrubar o presidente. Sabemos que o deputado Rodrigo Maia tentou atrair ministros do Supremo para um plano que previa criar uma armadilha que levaria ao impeachment do presidente. Ele falou com alguns ministros do Supremo, e um deles me contou. Obviamente não posso falar nomes senão me complica, não vou ter como provar e vou expor o ministro”.

Na prática, Flávio Bolsonaro está dizendo que, se o STF decidir algo contra seu pai, haverá um golpe. Ele está dizendo também que conta com os préstimos de um ministro alcagueta.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....