Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Em discurso a policiais, Bolsonaro prega união contra "marginais em gabinetes"

Declaração foi dada diante de embates envolvendo o Planalto e o Supremo Tribunal Federal
Em discurso a policiais, Bolsonaro prega união contra “marginais em gabinetes”
Foto: Reprodução/Instagram

Jair Bolsonaro (PL) enviou um recado ao STF durante discurso em uma formatura de oficiais da Polícia Militar de São Paulo. O presidente pregou a união da categoria contra o que chamou de “marginais em gabinetes com ar condicionado que visam a roubar a nossa liberdade”.

“Muitas vezes o nosso inimigo não está nas vielas, no topo de um morro, ou nas ruas perdido por aí armado. Muitas vezes o nosso inimigo está dentro de um gabinete, com ar-condicionado, e ali, um burocrata que inferniza a vida de vocês após o cumprimento de uma missão”, disse.

A declaração foi dada diante dos embates entre o Planalto e o Supremo envolvendo o caso Daniel Silveira. Bolsonaro também afirmou que os “marginais” culpam a liberdade de expressão para “fustigar pessoas de bem” e fazer com que elas “desistam do seu propósito”.

“Nós, Forças Armadas, nós, forças auxiliares, não deixaremos que isso aconteça. Nós defendemos a nossa Constituição, a nossa democracia e a nossa liberdade“, acrescentou.

Ainda durante o evento, o presidente acenou à categoria ao afirmar que a aprovação do excludente de ilicitude é seu “grande sonho”.

“O meu grande sonho como presidente da República tem que ser compartilhado com o parlamento brasileiro. Gostaria muito de um dia aprovar o excludente de ilicitude, para que vocês, após o término da missão, fossem para casa, se recolher no calor de seus familiares, e não esperar a visita de um oficial de Justiça”, disse.

Assista:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....