Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Eleições: contra fake news, TSE renova parceria com agências de checagem

Na semana passada, corte também firmou acordos com plataformas como Twitter, TikTok, Facebook, WhatsApp e Instagram, para tentar conter desinformação
Eleições: contra fake news, TSE renova parceria com agências de checagem
Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE

O Tribunal Superior Eleitoral renovou, nesta terça-feira (22), a parceria com nove agências de checagem para averiguar a veracidade de informações envolvendo o processo eleitoral brasileiro na internet, especialmente, nas redes sociais para combater as fake news. 

Por meio da parceria, as agências, o TSE e integrantes dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) estarão em contato permanente para identificar notícias falsas sobre as eleições deste ano e elaborar, da forma mais ágil possível, respostas verdadeiras e precisas.

“Com ascensão das mídias, ampliou-se muito o acesso ao conhecimento, à informação, mas ampliou-se muito a capacidade de que as pessoas têm de difundir notícias falas, anticientíficas e comportamentos indesejado. Democratizou-se acesso ao espaço público, democratizou-se acesso à ignorância, maldade, teorias conspiratórias”, afirmou o presidente, Luís Roberto Barroso.

Na semana passada, a Corte também formou parceria com as plataformas digitais Twitter, TikTok, Facebook, WhatsApp, Google, Instagram, YouTube e Kwai para o combate à disseminação de desinformação no processo eleitoral de 2022.

A Corte ainda não teve contato com o Telegram, canal utilizado por Jair Bolsonaro e bolsonaristas, e negocia um acordo com o LinkedIn.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....