Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Diretora da Anvisa vota a favor de autorização dos autotestes

Cristiane Rose Jourdan considerou que ainda falta ao Ministério da Saúde incluir autoteste em política pública
Diretora da Anvisa vota a favor de autorização dos autotestes
Reprodução/Anvisa/YouTube

Cristiane Rose Jourdan, uma das diretoras da Anvisa, acaba de votar pela autorização dos autotestes de Covid no Brasil.

A decisão final depende dos votos dos outros quatro diretores.

“Até o momento não foi identificada elaboração de política pública e as suas estratégias formalmente instituídas pelo Ministério da Saúde e acordadas com a Anvisa”, disse Jourdan, na reunião transmitida ao vivo.

Em 7 de janeiro, a Anvisa publicou nota informando que, pelas regras atuais, “[o]s autotestes podem ser registrados a partir de uma política pública que preveja o autoteste como ferramenta da estratégia de enfrentamento à Covid-19”.

O objetivo desse regulamento, em vigor desde 2015, é “afastar os riscos envolvidos na coleta da amostra biológica, na execução do ensaio, na interpretação do resultado, bem como no manejo dos dados e dos próprios pacientes”.

Na noite de quinta passada (13), o Ministério da Saúde publicou uma nota técnica pedindo à Anvisa a avaliação do uso de autotestes. No texto, o governo afirma que a autotestagem “é uma estratégia adicional para prevenir e interromper a cadeia de transmissão da covid-19, juntamente com a vacinação, o uso de máscaras e o distanciamento social”.

Leia mais:

Anvisa confirma ter recebido pedido da Saúde para liberar autoteste

Queiroga diz que autoteste “diminuirá pressão” sobre sistema de saúde

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....