Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Desesperado, Lira muda regimento para garantir quórum na PEC dos Precatórios

A partir de agora, mesmo deputados que estejam fora de Brasília em missão especial poderão votar de forma remota
Desesperado, Lira muda regimento para garantir quórum na PEC dos Precatórios
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Arthur Lira (PP-AL) está desesperado para aprovar a PEC dos Precatórios. Para garantir o quórum mínimo, ele resolveu abrir mão da votação presencial — mais cedo, chegou a ameaçar cortar o ponto dos parlamentares que faltassem.

Há pouco, decisão da mesa diretora alterou o regimento interno para permitir que deputados fora de Brasília, em missões especiais, possam votar remotamente.

Como mostramos há pouco, o governo espera ter até 330 votos a favor do texto, apesar da resistência da oposição, que Lira tentou assediar com emendas RP-9. Para ser aprovada, a PEC precisa de 308 votos. Lira (foto) é o principal defensor do texto.

Além de mudar o regimento interno, Lira prometeu emendas e o governo prometeu cargos aos parlamentares que votaram a favor da proposta.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....