Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Descobriram o Brasil

Visita de Elon Musk não se restringe a selfies ao lado de Jair Bolsonaro nem ao anúncio de um projeto para levar internet a 19 mil escolas rurais
Descobriram o Brasil
Reprodução: Facebook

Ao desembarcar no Brasil hoje cedo, Elon Musk tuitou sobre como estava “animado” para levar a Starlink a 19 mil escolas em áreas rurais e ajudar no monitoramento ambiental da Amazônia. O tuíte e a visita coincidem com a briga pública do multibilionário com a Dow Jones, que expulsou a Tesla do índice S&P 500 ESG — que faz o ranking de corporações que cumprem critérios de sustentabilidade.

Não vou entrar na discussão sobre os critérios usados para compor o polêmico ranking. Mas, parece óbvio, Musk aproveitou a oportunidade para exibir uma ‘agenda socioambiental’. Por aqui, Jair Bolsonaro também se aproveitou do encontro para colher dividendos eleitorais, buscando projetar uma (falsa) imagem de líder moderno e responsável.

A imprensa lulista, por sua vez, disparou contra ambos, apontando uma agenda oculta que envolveria acordo secreto com a Vale para garantir a demanda de níquel da Tesla para as próximas décadas. O metal é essencial para as baterias de veículos elétricos. A montadora planeja ampliar em 50% sua produção nos próximos anos.

Musk não tuitou sobre isso hoje, mas o acordo existe e foi confirmado por ambas as empresas após uma reportagem da Bloomberg, em março. O homem mais rico do mundo, que surpresa, só pensa em negócios e usa a política (e políticos) para alcançar seus objetivos. 

Depois de tirar fotos ao lado de Jair Bolsonaro, que está em plena campanha de reeleição, Elon Musk almoçou ao lado do presidente e também de André Esteves (BTG), responsável por organizar o encontro.

Agora à noite, eles jantam na companhia de outros multimilionários e bilionários brasileiros, como Zeco Auriemo (JHSF), Carlos Sanchez (EMS), Rubens Ometto (Cosan), Rubens Menin (MRV e Inter), Rodrigo Abreu (Oi) e Jorge Moll Filho (Rede D´Or).

Vários deles se notabilizaram na década passada por suas relações com Lula e outros caciques da gestão petista, a começar pelo próprio Esteves. Nos últimos anos, alguns deles se aproximaram de Jair Bolsonaro. Como Musk, todos querem fazer negócios.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....