Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Defesa pede domiciliar a Milton Ribeiro

Advogados protocolaram HC no TRF-1 para tentar anular a ordem de prisão preventiva do ex-ministro ou transformá-la em domiciliar; Ney Bello analisará o caso
Defesa pede domiciliar a Milton Ribeiro
Foto: Catarina Chaves/MEC

A defesa de Milton Ribeiro protocolou um habeas corpus no TRF-1 para tentar anular a ordem de prisão preventiva do ex-ministro. O pedido está nas mãos do desembargador Ney Bello, um dos cotados para o STJ.

Na peça, obtida por O Antagonista, o escritório de Daniel Bialski pede que “seja reconhecida a ilegalidade” da preventiva, “ainda que para que seja ele mantido em prisão domiciliar até o exame acurado da ilegalidade apresentada”.

Reiteremos que não foi exibido ao paciente e ou à sua defesa a motivação e as razões de sua prisão, o que afronta o que dispõe a norma processual e impossibilita de saber se há ou não – fundamentação para essa prisão antecipada. Ademais, o exame fático do caso e a importante recordação de que o ora paciente estava e respondia ao inquérito policial em liberdade, sem que jamais se cogitasse da necessidade da prisão, é mais uma amostra da ilegalidade que se pretende corrigir.”

Como já noticiamos, Ribeiro está detido na PF em São Paulo e será ouvido por videoconferência em audiência de custódia, hoje à tarde.

Leia o pedido aqui.

Mais notícias
TOPO
×
Oferecimento....