Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Defesa de Roberto Jefferson reitera pedido de transferência para hospital

Segundo os advogados do presidente afastado do PTB, o sistema prisional já afirmou, por diversas vezes, que não tem condições adequadas para atendê-lo
Defesa de Roberto Jefferson reitera pedido de transferência para hospital
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A defesa de Roberto Jefferson (foto) reiterou o pedido ao Supremo Tribunal Federal para que seja determinada a imediata transferência dele, atualmente no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, no Rio de Janeiro, para o Hospital Samaritano Botafogo

Na semana passada, a defesa já havia pedido a transferência e o ministro Alexandre de Moraes mandou o diretor do presídio informar sobre a possibilidade de realização, no hospital penitenciário, dos exames. 

Segundo os advogados, o sistema prisional já afirmou, por diversas vezes, que não tem condições adequadas para atendê-lo. 

A defesa afirmou ainda que, além dos sintomas compatíveis com Covid, o ex-parlamentar tem apresentado edemas e inchaços nos membros inferiores, que têm relação com má circulação venosa, que pode decorrer da cirurgia coronariana que a foi anteriormente submetido.

“Os relatórios médicos informam que o requerente apresenta constantes crises de colangite de repetição com várias internações no Rio de Janeiro e em Brasília, devido a choque séptico com risco iminente de morte, se não for socorrido em tempo hábil e em hospital que tenha unidade de cuidados intensivos com equipamentos e antibioticoterapia de última geração e o tratamento da patologia em questão e colangite aguda”, disse a defesa.

Roberto Jefferson está preso desde agosto de 2021 pelo suposto envolvimento em uma milícia digital voltada a ataques à democracia. Em setembro último, ele chegou a ser transferido para o hospital para tratar um quadro de colangite.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....