Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Corregedoria livra policial acusado de fabricar dossiê contra Moro

O Antagonista apurou que a Corregedoria da Polícia Federal não encontrou evidências de participação do policial Flávio Werneck na fabricação de um dossiê contra Sérgio Moro.

Werneck virou alvo de um processo administrativo disciplinar em 2016, ao ser flagrado entregando o suposto dossiê ao então ministro Jaques Wagner. A investigação concluiu pela inocência do escrivão de polícia, então vice-presidente da Fenapef.

O policial, no entanto, foi punido com suspensão de 20 dias por fazer declarações públicas que resultaram “em prejuízo para a imagem do órgão”.

Atual presidente do Sindicato dos Policiais Federais do DF, Werneck criticou a gestão de Leandro Daiello por ceder mais de 30 delegados ao Ministério da Justiça, causando prejuízo ao andamento das investigações policiais.

Werneck vai recorrer da punição.

AUTOR DE DOSSIÊ CONTRA MORO É SUSPENSO

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....