Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Conselho de Ética instaura processos contra Eduardo Bolsonaro, Bia Kicis e Zambelli

Deputados bolsonaristas foram acusados de divulgar notícias falsas e de defender a prescrição de medicamentos sem comprovação científica contra Covid
Conselho de Ética instaura processos contra Eduardo Bolsonaro, Bia Kicis e Zambelli
Foto: Nilson Bastian/Câmara dos Deputados

O Conselho de Ética da Câmara instaurou hoje procedimentos disciplinares contra quatro deputados bolsonaristas por disseminar fake news sobre a pandemia de Covid.

Passaram a ser alvo do colegiado os deputados Bia Kicis (PL-DF), Carla Zambelli (PL-SP), Éder Mauro (PL-PA) e Eduardo Bolsonaro (PL-SP). Os parlamentares foram denunciados por partidos como o PT, PDT, PSB e o PCdoB após defenderem o uso de medicamentos sem comprovação científica nas redes sociais e por condenarem o uso de máscaras ao longo da pandemia.

Eduardo Bolsonaro também foi acusado de fazer declarações ofensivas às mulheres nas redes sociais.

“A estratégia da esquerda é fazer uma guerra de narrativas só para criar títulos em jornais que visem a nos denegrir”, afirmou Eduardo Bolsonaro. “Se alguém se sentir prejudicado, é melhor entrar na Justiça do que no Conselho de Ética. A gente já sabe que estes processos aqui muito provavelmente não vão dar em nada”, acrescentou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....