Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

A conexão Temer-Libra-Cunha

Em 2014, quando era candidato a vice na chapa de Dilma, Temer recebeu doações em uma conta paralela, registrada no TSE.

O Grupo Libra, alvo da ação de hoje da PF, depositou nessa conta 1 milhão de reais por meio de dois de seus sócios, como já publicamos.

Os investigadores acreditam que essa doação tenha sido feita em contrapartida a serviços prestados à companhia pelo grupo político de Temer, numa operação articulada pelo notório Eduardo Cunha.

A suspeita está amparada em documentos. Explica-se.

Nas buscas em endereços de Cunha, os policiais encontraram um arquivo com informações sobre o Libra e um projeto do grupo que dependia de decisões do governo.

Ao analisar o arquivo, os policiais anotaram: “Acredita-se que, conforme indicação do nome Libra no próprio pen drive, alguém relacionado ao grupo tenha repassado tais dados para o conhecimento de Eduardo Cunha, sob pretexto ainda duvidoso. Segundo consta, o referido projeto precisaria de autorização da Secretaria Especial de Portos e da Agência Nacional de Transportes Aquaviários, o que, por si, já gera suspeitas sobre os motivos de tais documentos estarem em poder do investigado”.

Mais adiante, os investigadores ligam a doação de 1 milhão a Temer a serviços prestados ao Grupo Libra – ou seja, levantam a suspeita de que o repasse se tratava de propina travestida de doação eleitoral: “O referido grupo empresarial teria doado [na verdade, doou] R$ 1 milhão para a campanha do vice-presidente Michel Temer, do PMDB, o que gerou uma série de rumores e suspeitas acerca de tal doação, e que carecem de maior análise”.

Antes, eles observam que Cunha foi relator da famosa MP dos Portos e que, como tal, atendeu a uma série de pleitos do Grupo Libra.

Em tempo: meses antes da doação de 1 milhão de reais a Temer, o próprio Cunha levou Gonçalo Torrealba, um dos donos do Grupo Libra, para um encontro com o então vice-presidente no Palácio do Jaburu.

A história se encaixa como uma luva na investigação que resultou na operação de hoje.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....