Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Cármen Lúcia dá cinco dias para governo explicar parada militar em Copacabana

Ministra instruiu processo em que Rede Sustentabilidade questiona intenções do presidente em promover manifestação na praia durante o 7 de Setembro
Cármen Lúcia dá cinco dias para governo explicar parada militar em Copacabana
Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal (STF), deu cinco dias para que o presidente Jair Bolsonaro explique as razões do plano de executar o desfile de 7 de Setembro na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. O evento seria alusivo aos 200 anos de independência, mas também deve ser uma prova de força das manifestações de Bolsonaro.

A ministra instrui uma ação aberta pela Rede Sustentabilidade, que quer impedir a mudança de quaisquer planos do desfile de 7 de Setembro na cidade — normalmente realizado no centro da capital fluminense. Para o partido, o ato convocado pelo presidente da República para Copacabana tem fim claramente político-eleitoral, sendo verdadeiro ato de campanha.

“Foram convocados os seus apoiadores para demonstrarem sua potencial força eleitoral, nada tendo relação com fim estatais ou cívicos, mas apenas ao interesse pessoal e eleitoral do presidente da República na sua reeleição”, escreveu a legenda à corte.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....