Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Carlos Bolsonaro quis expor Bebianno

Carlos Bolsonaro quis expor Bebianno
Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante chegada à Suíça.

Qualquer pessoa insatisfeita com uma declaração pública de um aliado do pai, que considera falsa, tende a resolver privadamente a questão, persuadindo o declarante direta ou indiretamente a corrigir-se ele próprio.

Na política, o desgaste do desmentido público de pessoas ligadas ao mesmo grupo ou governo só reforça essa tendência.

Carlos Bolsonaro, como registramos, afirma que não lavou roupa suja, apenas apontou a verdade sobre a conversa de Gustavo Bebianno com o presidente.

Mas se, em vez de resolver a questão nos bastidores, por eventual intermédio do pai ou de qualquer outro aliado em comum, Carlos preferiu desmentir publicamente o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, é claro que ele escancarou uma disputa interna.

Não resta dúvida de que Carlos quis expor Bebianno. Esteja o vereador certo ou errado sobre os fatos, e queira ele ou não, isto é, sim, lavar roupa suja em público.

Se filho é indemissível, como disse Eduardo à Crusoé, resta saber se Bebianno aguentará a pressão.

As tensões entre diversos núcleos do governo demandam uma liderança forte que Jair Bolsonaro terá de mostrar para não ser devorado pela sua própria turma.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....