Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Câmara técnica exige investigação sobre vazamento de dados de médicos pró-vacina

Integrantes do grupo se reúnem nesta sexta-feira com o Ministério da Saúde; eles afirmam que o governo tentou promover a "hesitação vacinal"
Câmara técnica exige investigação sobre vazamento de dados de médicos pró-vacina
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Integrantes da Câmara Técnica de Assessoramento em Imunização da Covid se reúnem nesta sexta-feira (14) com membros do Ministério da Saúde, diz O Globo. O encontro será o primeiro após o vazamento de dados pessoais de médicos que participaram da audiência pública sobre a vacinação infantil.

A agenda foi convocada por pressão dos cientistas e médicos que integram o grupo, que ameaçaram renunciar às suas funções caso o ministério não aceitasse discutir o resultado da audiência, que se tornou palanque para grupos contra a imunização.

Membros da câmara técnica elaboraram uma nota em que apontam o que consideram ser um esforço deliberado do governo em promover a hesitação vacinal desde o início da campanha de imunização. O documento é assinado por doze membros.

A câmara técnica, a Ctai, é um grupo de 28 integrantes, criado em agosto de 2021 por iniciativa da pasta, como uma instância de aconselhamento técnico das ações do governo. Especialistas, gestores do Ministério da Saúde e entidades ligadas às secretarias de Saúde compõem o colegiado.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....