Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro silencia sobre ataques russos: "Não vi o jogo do Palmeiras, eu dormi"

Presidente preferiu conversar sobre futebol com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada
Bolsonaro silencia sobre ataques russos: “Não vi o jogo do Palmeiras, eu dormi”
Reprodução/Foco do Brasil/YouTube

Jair Bolsonaro (PL) não se pronunciou sobre os ataques da Rússia à Ucrânia registrados nesta madrugada, uma semana após sua viagem a Moscou, onde se reuniu com Vladimir Putin. Os bombardeios já deixaram ao menos 40 mortos.

Em conversa com apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada hoje, Bolsonaro (foto) ignorou o fato e falou sobre futebol.

Não vi o jogo do Palmeiras, eu dormi, alguém sabe quanto foi?”, perguntou aos presentes no local.

Outros presidenciáveis condenaram a ofensiva russa nas últimas horas. Em publicação no Twitter, Sergio Moro (Podemos) disse repudiar “a guerra e a violação da soberania da Ucrânia”. O ex-juiz também afirmou que a a paz sempre deve prevalecer”

Também nas redes sociais, Lula (PT) afirmou:

Ninguém pode concordar com guerra, ataques militares de um país contra o outro. A guerra só leva a destruição, desespero e fome. O ser humano tem que criar juízo e resolver suas divergências em uma mesa de negociação, não em campos de batalha.”

Ao comentar a ofensiva russa, Ciro Gomes (PDT) voltou a criticar o governo de Jair Bolsonaro.

“No mundo atual não existe mais guerra distante e de consequências limitadas. Precisamos nos preparar, portanto, para os reflexos do conflito entre Rússia e Ucrânia. Muito especialmente por termos um governo frágil, despreparado e perdido”, escreveu no Twitter.

Assista:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....