Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro mentiu e envolveu as Forças Armadas em sua mentira

Divulgado hoje, documento encaminhado por general ao TSE só contém perguntas, sem nenhum diagnóstico de vulnerabilidades do sistema de votação, ao contrário do que disse o presidente
Bolsonaro mentiu e envolveu as Forças Armadas em sua mentira
Reprodução/TV Brasil Gov/YouTube

Comprovado: Jair Bolsonaro mentiu ao afirmar, na última quinta-feira, que as Forças Armadas  identificaram “dezenas de vulnerabilidades” no sistema brasileiro de votação eletrônica.

O TSE divulgou na tarde desta quarta-feira sua resposta a um ofício apresentado no final de 2021 pelo general Heber Garcia Portella, integrante da comissão de transparência da eleições.

O documento de 69 páginas confirma aquilo que o tribunal já havia sustentado em nota, ou seja, que as Forças Armadas não fizeram nenhum diagnóstico sobre as urnas eletrônicas ou sobre o aparato de TI do tribunal, nem muito menos localizaram brechas de segurança. 

O general tão somente endereçou 48 perguntas ao TSE, visando a obter informações sobre as soluções tecnológicas adotadas nas etapas de preparação, votação e apuração das eleições. Todas  as questões foram respondidas em detalhes.

A partir dessas respostas, especialistas poderão avaliar se as medidas adotadas pelo TSE são adequadas ou insuficientes. Neste momento, no entanto, não há nada a dizer. Assim como não havia nada de concreto a dizer na última quinta-feira, quando Bolsonaro tentou manipular, mais uma vez, os brasileiros.

A Presidência é ocupada por um homem sem escrúpulos.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....