Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro define quais ministros deixarão o governo

Dez integrantes do primeiro escalão vão deixar seus respectivos cargos até abril. Entre eles, Tarcísio de Freitas e Braga Netto
Bolsonaro define quais ministros deixarão o governo
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Em reunião realizada hoje no Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro (foto) definiu os nomes que deixarão o primeiro escalão do governo para disputar as eleições estaduais.

Como este site já antecipou, dez ministros vão deixar seus respectivos cargos até abril. Entre eles, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, e o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Segundo integrantes do Palácio do Planalto, o governo adotará soluções domésticas para substituir os ministros. No Ministério da Agricultura, o secretário-executivo, Marcos Montes, deve assumir o lugar de Tereza Cristina; na Defesa, como adiantamos, o comandante Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira deve ficar no lugar de Braga Netto, que deverá ser o vice de Bolsonaro.

Leia a lista dos ministros que deixarão o governo:

Rogério Marinho (PL) – ministro Desenvolvimento Regional: pretende disputar o senado no Rio Grande do Norte;

Tarcísio de Freitas (sem partido) – ministro da Infraestrutura: vai disputar o governo de São Paulo. Ainda está dividido entre ficar no Republicanos ou PL;

João Roma (Republicanos) – ministro da Cidadania: vai disputar o governo da Bahia;

Tereza Cristina (DEM) – ministra da Agricultura: vai disputar o Senado por Mato Grosso do Sul;

Onyx Lorenzoni (DEM) – ministro Trabalho: vai disputar o governo do estado do Rio Grande do Sul pelo PL;

Flávia Arruda (PL) – ministra da Secretaria de Governo: disputa uma vaga no Senado pelo Distrito Federal;

Damares Alves (sem partido) – ministra da Mulher e Direitos Humanos: deve disputar o Senado pelo Amapá e ainda estuda se filiar ao PL ou ao PP;

Marcos Pontes (sem partido) – ministro da Ciência e Tecnologia: vai disputar o cargo de deputado federal por São Paulo pelo PL;

Gilson Machado (PSC) – ministro do Turismo: vai se filiar ao PL para disputar o Senado por Pernambuco;

Braga Netto (sem partido) – ministro da Defesa. Será vice do presidente da República.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....