Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bolsonaro associa vacina a suspeitas de embolia e trombose

Sem provas, o presidente levantou suspeitas de que o deputado Hélio Negão estaria internado com embolia pulmonar por ter tomado o imunizante contra a Covid
Bolsonaro associa vacina a suspeitas de embolia e trombose
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Jair Bolsonaro voltou a defender na manhã deste sábado o uso da cloroquina no tratamento de pacientes com Covid. Além de recomendar o medicamento sem eficácia contra a doença, o presidente pôs em dúvida a eficácia da vacinação.

Sem provas, Bolsonaro levantou suspeitas de que o deputado Hélio Lopes, conhecido como Hélio Negão, estaria internado com embolia pulmonar por ter tomado a vacina. 

“Um caso que está sendo estudado agora. O deputado Hélio Lopes, meu irmão, está no hospital, com embolia. Parece ser efeito colateral da vacina. Vamos aguardar a conclusão. Um médico, na semana passada, estava abalado porque um irmão dele tomou e estava com trombose no pé. Tem acontecido efeito colateral. Vocês já leram a bula dessas vacinas? Na Pfizer está escrito: não nós responsabilizamos por efeitos colaterais.”

Bolsonaro participou de uma cerimônia de Declaração de Guardas-Marinha, no Rio de Janeiro.

No início do mês, o ministro Alexandre de Moraes determinou a abertura de inquérito sobre a conduta do presidente, que divulgou fake news que associavam a vacinação contra Covid ao risco de contrair HIV e desenvolver Aids.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....