Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Auxílio emergencial, reforma administrativa e voto impresso entre as notícias mais lidas da Câmara

Em julho de 2021, Bolsonaro prorrogou auxílio por decreto
Auxílio emergencial, reforma administrativa e voto impresso entre as notícias mais lidas da Câmara
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O auxílio emergencial, a PEC da reforma administrativa e o voto impresso estiveram entre os assuntos mais lidos no site da Câmara dos Deputados em 2021.

O levantamento foi enviado pela Câmara a O Antagonista.

A notícia mais lida foi publicada logo no começo do ano passado: “Projeto prorroga auxílio emergencial até junho de 2021”. Apensada a outro projeto, essa iniciativa em si não se concretizou. Em julho, Bolsonaro prorrogou por decreto, por três meses, o pagamento do auxílio.

A 2ª notícia mais lida foi “Câmara aprova retorno de gestantes ao trabalho presencial após imunização contra Covid-19”. Esse projeto foi modificado pelo Senado e voltou para a Câmara, que, por sua vez, ainda não tomou uma decisão final.

De autoria de Tiago Dimas (Solidariedade-TO), o texto tem o objetivo de mudar a Lei 14.151/21, que garantiu o afastamento da gestante do trabalho presencial com remuneração integral por causa da pandemia. Pelo novo texto, o afastamento não valerá para a gestante que já foi vacinada.

Em parecer, a relatora Paula Belmonte (Cidadania-DF) defendeu a versão original da Câmara, rejeitando as modificações do Senado — entre elas, excetuar das hipóteses de retorno ao trabalho presencial a gestante com comorbidades.

A PEC da reforma administrativa, de autoria do governo Bolsonaro, é o assunto da 5ª notícia mais lida. O parecer coube a Arthur Oliveira Maia (DEM-BA), que não soube calcular quanto a proposta vai economizar.

A 7ª notícia mais lida é sobre um assunto que deu muito o que falar: “PEC torna obrigatório voto impresso em eleições no Brasil”. Embora tenha liderado a audiência em 2021, a notícia em si foi publicada em 2019.

O parecer sobre a PEC do Voto Impresso foi derrotado na comissão especial em agosto passado. Arthur Lira insistiu em nova votação, levando a plenário o texto original, que foi derrotado também.

As 10 notícias mais lidas no site da Câmara em 2021 foram:

1. Projeto prorroga auxílio emergencial até junho de 2021

2. Câmara aprova retorno de gestantes ao trabalho presencial após imunização contra Covid-19

3. Comissão aprova proposta que destina precatórios de Fundef e Fundeb para salário de professores

4. Projeto disciplina afastamento de empregadas grávidas do trabalho

5. PEC muda regras para futuros servidores e altera organização da administração pública (2020)

6. Projeto prorroga até abril pagamento do auxílio emergencial, com valor de R$ 600

7. PEC torna obrigatório voto impresso em eleições no Brasil (2019)

8. Projetos estabelecem prorrogação de auxílio emergencial em 2021

9. Comissão aprova linha especial de crédito consignado de até R$ 20 mil durante pandemia

10. Lei estabelece regras para cancelamento e remarcação de viagens e eventos (2020)

Leia mais:

Audiência do site da Câmara sobe em 2021

Impacto financeiro da reforma administrativa é desconhecido

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....