Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Arthur Lira é o juiz

O presidente da Câmara precisa decidir sobre os pedidos de impeachment contra Jair Bolsonaro: "Parar os pedidos é uma forma de decidir contra eles"
Arthur Lira é o juiz
Foto: Alan Santos/PR

Arthur Lira precisa decidir.

“Parar os pedidos é uma forma de decidir contra eles”, diz o Estadão. “É isto mesmo, deputado? O que se está pedindo é que Lira venha à luz do sol, o melhor detergente contra a pequena política. Diga institucionalmente suas razões. E arque política e eleitoralmente com sua opção. O País não quer mais ataques nem jogos velados, negociações noturnas e soturnas.”

Ele é o juiz nesta etapa. E não o Supremo. Se ele pretende ser o Muro de Berlim que divide o País, que seja. O direito de discricionariedade do sim ou do não é seu. Desde que o exerça. No seu juízo de admissibilidade inicial, não é suficiente palavras ao vento. Nem ambíguas. Importa é colocá-las em ação. A virtude na política se traduz na ação. Se o presidente da República faz pressão no Supremo e no ministro Moraes, o faz para desviar a pressão sobre Lira. É óbvia tática.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....