Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Aras tira procurador bolsonarista de Conselho Nacional de Direitos Humanos

Ailton Benedito é um dos principais nomes alinhados a Jair Bolsonaro dentro do Ministério Público Federal e integrava o órgão desde 2019
Aras tira procurador bolsonarista de Conselho Nacional de Direitos Humanos
Foto: AGEMPU

O procurador-geral da República, Augusto Aras, tirou o procurador bolsonarista Ailton Benedito da cadeira que ocupava no Conselho Nacional de Direitos Humanos, vinculado ao ministério de Damares Alves. Em ofício enviado à ministra, Aras afirmou que o novo representante será o procurador federal dos direitos do cidadão, Carlos Alberto Vilhena (foto), informa O Globo.

Na sua função, Vilhena tem feito várias cobranças em relação à atuação do governo de Jair Bolsonaro na área de direitos humanos. O procurador chegou a enviar uma representação a Aras para que processasse Bolsonaro pelo crime de racismo em declarações feitas sobre maranhenses e sobre a população LGBT. O pedido segue em aguardo de uma decisão do PGR.

Ailton Benedito é um dos principais nomes alinhados a Jair Bolsonaro dentro do Ministério Público Federal. O procurador integrava o órgão desde o início da primeira gestão de Aras como PGR, em 2019.

O procurador é considerado uma das principais vozes conservadoras dentro do MPF. Benedito havia sido convidado pelo governo de Jair Bolsonaro para assumir uma cadeira na Comissão de Mortos e Desaparecidos do governo, mas foi vetado pelo Conselho Superior do Ministério Público Federal, por meio de voto decisivo proferido pela então PGR Raquel Dodge.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....