Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após compra de 35 mil comprimidos de Viagra, Defesa diz que tratou 225 pacientes

Ministério afirma que os medicamentos são usados para tratar pacientes com hipertensão arterial pulmonar
Após compra de 35 mil comprimidos de Viagra, Defesa diz que tratou 225 pacientes
Foto: Pfizer / Divulgação

Em ofício enviado à Câmara dos Deputados, o Ministério da Defesa afirmou que a compra de mais de 35 mil comprimidos de citrato de sildenafila, princípio ativo do Viagra, foi feita para tratar 225 pacientes com hipertensão arterial pulmonar desde 2020. O documento, obtido pelo UOL, mostra que 181 militares do Exército fizeram ou fazem o uso do medicamento; 43 da Marinha e um da Força Aérea Brasileira.

“Inicialmente, cabe expor que o consumo do medicamento Citrato de Sildenafila 25mg é destinado apenas aos pacientes internados e aqueles em regime ambulatorial, exclusivamente para o tratamento de doenças raras como a Hipertensão Arterial Pulmonar (HAP), a esclerodermia e em pacientes portadores de Vasculopatia Periférica Secundária ao Fenômeno de Raynaud”, diz a pasta. 

De acordo com dados obtidos pelo deputado Elias Vaz (PSB-GO), os processos de compra foram homologados em 2020 e 2021 e continuam válidos neste ano. A maior quantidade (28.320 comprimidos) teve como destino a Marinha. Outros cinco 5 mil comprimidos foram aprovados para o Exército e outros 2 mil, para a Aeronáutica.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....