Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Aliados de Bolsonaro celebram desistência de Azevedo e Silva de ocupar vaga no TSE

A avaliação no Planalto era que a presença de um militar na Corte atrapalhava a estratégia do colocar em dúvida as eleições
Aliados de Bolsonaro celebram desistência de Azevedo e Silva de ocupar vaga no TSE
Foto: Adriano Machado/CRUSOE

Aliados militares de Jair Bolsonaro comemoraram, nos bastidores, a desistência de Fernando Azevedo e Silva (foto), ex-ministro da Defesa, de assumir o cargo de diretor-geral no TSE durante as eleições, diz o G1.

O anúncio foi feito ontem pelo general. Ele alegou motivos de saúde para deixar o cargo.

A saída ocorre enquanto Bolsonaro parte para novos ataques ao sistema eleitoral. O presidente afirmou que as Forças Armadas apontaram vulnerabilidades nas urnas eletrônicas. A informação foi desmentida pelo TSE.

Antes, a avaliação no Planalto era a de que havia um militar no TSE que atrapalhava a estratégia de colocar em dúvida as eleições.

“Agora, Bolsonaro está à vontade. Ninguém serve a dois senhores”, disse um ministro do governo ao portal.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....