Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Agamenon: A lei da selva

O “presidento” Jair Bolsonárvore instaurou no país uma ditadura botânica: não pode ver um pau em pé que logo quer botar abaixo
Agamenon: A lei da selva
Agamenon/O Antagonista

Enquanto leigo diplomado em Harvard, eu acreditava que a única lei que tinha “pegado” no Brasil era a lei da gravidade. Mas nem essa lei universal conseguiu sobreviver no país, porque aqui os preços nunca caem, contrariando as formulações de Isaac Newton. Na verdade, a única lei que é seguida à risca no país é a Lei da Selva (aprovada no orçamento secreto do Congresso) que diz “assassinou, tem que comer”.

Antigamente, a Amazônia era um lugar onde os povos da floresta e os animais silvestres viviam em completa harmonia com o meio ambiente. Até mesmo as vorazes piranhas, que são um peixe de Rio (e de São Paulo, Brasília, Goiânia, etc.), informavam o preço antes de comer seus clientes. Mas, hoje em dia, quem manda na mata são os garimpeiros ilegais e os traficantes, verdadeiros milicianos florestais. Tudo isso graças ao “presidento” Jair Bolsonárvore, que instaurou no país uma ditadura botânica: não pode ver um pau em pé que logo quer botar abaixo. O que será que está por trás do ódio irracional que Jair Tosconaro nutre pelos troncos rombudos e cheios de raízes da selva? O que aconteceu no mato de tão grave? Será que foi lá, na mata virgem, que o noivinho do Aristides perdeu sua virgindade? Só isso explica a sua cara de pau. E o que é pior: o pau foi comercializado ilegalmente pelos madeireiros.

Jair Bolsoanalfa continua dando mostras contínuas de que é um sujeito ignorante e boçal, sem querer ofender os ignorantes e boçais, coitados. Certamente Boçalnaro acha que Bruno e Dom são uma dupla sertaneja e que empatia é um salgadinho que se vende no botequim. Bolsonaro é contra os sem-terra e os sem-teto, mas é um sujeito sem noção. Disse que o indigenista e o jornalista inglês estavam numa aventura e eram malvistos. Muito pelo contrário, foram muito bem vistos pelos jagunços e matadores que, infelizmente, não entraram em extinção.

O “pobrema” (estou escrevendo errado para atrair mais likes e compartilhamentos) é que, enquanto o 00 coça o saco até fazer ferida, o Congresso está ralando feito louco para julgar as decisões do Supremo e promulgar a Lei de Muricy, onde cada um legisla para si. Na calada do dia, os parlamentares fizeram tramitar pela casa o auxílio-funeral para enterrar de vez a Lava Jato. E a distribuição gratuita de papel higiênico para os indiciados na Lei da Ficha Limpa. Também querem liberar a construção de pistas ilegais no meio da mata, para que os aviões do narcotráfico possam fazer seu serviço sem ter que pagar propina à Polícia Federal.  

Agamenon Mendes Pedreira é jornalista ilegal.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....