Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

O "novo" orçamento secreto e a vacina do Centrão contra Lula

Aprovação de trecho na Lei de Diretrizes Orçamentárias visa blindar o Congresso de uma eventual interferência petista, caso o ex-presidente vença
O “novo” orçamento secreto e a vacina do Centrão contra Lula
Foto: Ricardo Stukcert/Flickr/Lula

Sem um posicionamento claro do PT em relação às chamadas emendas de relator, o Centrão resolveu se vacinar contra uma eventual interferência de Lula no dispositivo que foi instituído ao longo do governo Jair Bolsonaro.

Ontem, a Comissão Mista de Orçamento aprovou a LDO com um dispositivo transformando em obrigatório o pagamento do chamado “Orçamento Secreto”. Na prática, deputados e senadores não querem depender da caneta do Palácio do Planalto para continuar entregando obras em suas bases eleitorais.

O PT apresentou uma emenda ao texto para tentar retirar a imposição de pagamento das chamadas RP9. Foi derrotado. O posicionamento do partido irritou parlamentares do Centrão.

“Ou ele [Lula] entrará para compor com a gente [parlamentares] ou entrará para causar divisão”, admitiu um parlamentar do Centrão

“Não é só o parlamentar que está preocupado com os recursos, mas suas bases regionais. Lula está pronto para dividir as bases eleitorais do parlamento?”, questionou. 

Um outro parlamentar com interlocução direta no Palácio do Planalto explicou que, desde a implementação do “Orçamento Secreto”, fazer política local ficou bem mais caro.

“Antes a gente entregava 10 ruas e os prefeitos ficavam felizes. Agora, entregamos 30 [ruas] para surtir o mesmo efeito. As bases ficaram acostumadas com muito recursos”, disse.

“Como dizer para o prefeito das cidades que os recursos voltarão a ser como eram? Que para chegar mais do que as emendas tradicionais oferecem tem que voltar novamente a pedir nos ministérios?”, perguntou.

“Se [Jair] Bolsonaro ganhar fica tudo igual, mas Lula é a dúvida. Este mandato de Lula, caso aconteça, será um só, sem reeleição, devido à idade, então, quem não pensa em reeleição, pensa em que?”, disse um terceiro congressista a este site.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....